O ensino não parou: o papel do monitor em uma disciplina de análise do comportamento durante a pandemia de COVID-19

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5433/1984-7939.2022v7n2p557

Palavras-chave:

Educação a Distância, Monitoria acadêmica, Relato de experiência

Resumo

A COVID-19, nova doença causada pelo novo coronavírus, foi declarada como uma pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em março de 2020. A declaração de pandemia trouxe uma realidade inédita para a Educação. Neste artigo são apresentadas as atividades de monitoria na disciplina de Tópicos Especiais em Análise do Comportamento, durante o período de pandemia da COVID-19, ofertada no curso de graduação em Psicologia da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Dada a situação atual de Declaração de Emergência em Saúde Pública de importância Nacional, os conteúdos foram trabalhados a distância. São discutidas as seguintes temáticas: (1) o que é monitoria, (2) ensino durante a pandemia, (3) atividades realizadas na monitoria e (4) resultados obtidos e percepções da monitoria. Ainda que se trate de um relato de experiência, são apresentadas reflexões para propostas de como o monitor pode atuar a distância, enquanto vigorar o período de pandemia.

Biografia do Autor

Henrique Cabral Furcin, Universidade Federal da Grande Dourados

Graduando do curso de Psicologia pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), integrante do Grupo de Estudos em Avaliação-intervenção Psicológica e Processos Inclusivos: Interfaces com a Educação e a Saúde (GEAPPI/CNPq). e do Núcleo de Atenção à Pessoa com Autismo (NAPA/UFGD). Auxiliar na coleta de dados Escala de Funcionamento Adaptativo (EFA). Presidente da Kaizen Consultoria Jr.

Felipe Maciel dos Santos Souza, Universidade Federal da Grande Dourados

Possui graduação em Psicologia pelo Centro Universitário da Grande Dourados, Dourados - MS (2007). É especialista em Gestão Estratégica em Recursos Humanos pela Universidade Castelo Branco, Rio de Janeiro e em Metodologia do Ensino Superior pelo Centro Universitário da Grande Dourados, Dourados - MS. Mestre em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2011). Doutor em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2017). Realizou estágio pós-doutoral na Universidade Católica Dom Bosco (2018). É membro do GT História da Psicologia da ANPEPP. Atualmente, é professor Adjunto A, nível 2 na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Dourados - MS.

Referências

ANDRADE, Erlon Gabriel Rego; RODRIGUES, Ivaneide Leal Ataíde; NOGUEIRA, Laura Maria; SOUSA, Dilma Fagundes. Contribuição da monitoria acadêmica para o processo ensino-aprendizagem na graduação em enfermagem. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 71, n. 4, p. 1596-1603, 2018. Suplemento.

ASSIS, Fernanda da; BORSATTO, Alessandra Zanei; SILVA, Pâmela Duarte Dias da; PERES, Patricia de Lima; Rocha, Patricia Rodrigues; LOPES, Gertrudes Teixeira. Programa de Monitoria Acadêmica: percepções de monitores e orientadores. Revista de Enfermagem da UERJ, Rio de Janeiro, v. 14, n. 3, p. 391-397, 2006.

BRASIL. Lei nº 5.540, de 28 de novembro de 1968. Fixa normas de organização e funcionamento do ensino superior e sua articulação com a escola média, e dá outras providências. Brasília: Presidência da República, 1968. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l5540.htm. Acesso em: 24 set. 2020.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília: Presidência da República, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 24 set. 2020.

CARVALHO, Alan Pedrosa Viegas; BRUNO, Roberta Xavier; ABRANCHES, Maria Alice. Monitoria como agente motivador do processo ensino-aprendizagem. Revista Científica de Faminas, Muriaé, v. 5, n. 3, p.127-139, 2010.

CORTEGOSO, Ana Lucia; COSER, Danila Secolim. Elaboração de programas de ensino: material autoinstrutivo. São Carlos: EdUFSCAR, 2011.

COUTO, Carolina Morera do. Educação a distância e sistema personalizado de ensino: avaliação de um curso utilizando o sistema Capsi. 2009. Dissertação (Mestrado em Psicologia Experimental) - Pontifícia Universidade Católica De São Paulo, São Paulo, 2009.

DANTAS, Otilia Maria. Monitoria: fonte de saberes à docência superior. Revista Barasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 95, n. 241, p. 567-589, 2014. DOI: https://doi.org/10.1590/S2176-6681/301611386

FRISON, Lourdes Maria Bragagnolo. Monitoria: uma modalidade de ensino que potencializa a aprendizagem colaborativa e autorregulada. Pro-Posições, Campinas, v. 27, n. 1, p. 133-153, 2016. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-7307201607908

KELLER, Fred Simons. Adeus, mestre!. Ciência e Cultura, Campinas, v. 24, n. 3, p. 207-212, 1972.

KELLER, Fred Simons. Pedro preguiça vai à escola. São Paulo: EDICON, 1987.

LIMA, Cintia Paloma Lopes; ISCHIARA, Julio Cesar. Relevância da monitoria para a formação acadêmica do monitor em Psicologia. In: EEDIC - ENCONTRO DE EXTENSÃO, DOCÊNCIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 12., 2016, Quixadá. Anais [...]. Quixadá: Centro Universitário Católico de Quixadá, 2016. p.1-3.

MARTINS, Janae Gonçalves; OLIVEIRA, Jaene Cristina de; CASSOL, Marlei Pereira. Chat: um recurso educativo para auxiliar na avaliação de aprendizagem baseada na Web. In: CONGRESSO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA, 12., 2005, Florianópolis. Anais [...]. Florianópolis: ABED, 2005. p.1-7.

MOURA, Gabriela Costa; RABELO, Iana Dorta Moura; SANTOS, Alecia Maria Rocha; CATTARUZZA, Mariana Nogueira. Monitoria em psicologia: uma experiência acadêmica. Caderno De Graduação - Ciências Humanas E Sociais, Alagoas, v. 3, n. 3, p.157-169, 2017.

NICOLA, Rosane de melo et al. O valor da tutoria e da monitoria na educação a distância: a experiência de LETTC online. In: EDUCERE - CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 13., 2017, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: EDUCERE, 2017. p. 19418-19429.

NUNES, João Batista Carvalho. Monitoria acadêmica: espaço de formação. In: SANTOS, Mirza Medeiros dos; LINS, Nostradamos de Medeiros (org.). A monitoria como espaço de iniciação à docência: possibilidades e trajetórias. Natal: EDUFRN, 2007. p. 45-58.

OMS afirma que COVID-19 é agora caracterizada como pandemia. [S. l.]: OPAS, 2020. Disponível em:https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6120:oms-afirma-que-covid-19-e-agora-caracterizada-como-pandemia&Itemid=812. Acesso em: 24 set. 2020.

PEAR, Joseph J.; CRONE-TODD, Darlene E. A social constructivist approach to computer-mediated instruction. Computers & Education, London, v. 38, p. 221-331, 2002. DOI: https://doi.org/10.1016/S0360-1315(01)00070-7

SALVADOR, A. B. N.; SOUZA, F. M. S.; ALVES, M. S. A monitoria acadêmica durante a pandemia de COVID-19 em uma disciplina a distância em Dourados – MS. In: ABUD, Cristiane de Castro Ramos; DIAS, Karina de Araújo (org.). (Re)pensar a educação em tempos de pandemia. Rio de Janeiro: Libroe, 2020. p. 35-58. DOI: https://doi.org/10.35417/978-65-991247-1-6_35

SANTOS JÚNIOR, José Geraldo de Alencar et al. Monitoria acadêmica EAD uma nova ferramenta. Revista Interface: Saúde, Humanas e Tecnologia, Lagoa Seca, v. 2, n.4, p. 1-4, 2014.

SOUZA, Felipe Maciel dos Santo. Plano de ensino de tópicos especiais em análise do comportamento. Dourados: UFGD, 2020.

SOUZA, Felipe Maciel dos Santos. Sistema Personalizado de Ensino e educação a distância: Uma proposta de aplicação. 2016. Tese (Doutorado em Psicologia Experimental) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.

SOUZA, Felipe Maciel dos Santos; BARBOZA, Leandro Côrrea. A prática de monitoria no ensino de Psicologia: Ciência e Profissão. Interbio, Dourados, v. 8, p. 17-23, 2014.

SOUZA, Felipe Maciel dos Santos; GOMIDE, Lucas Bilche. Experiência de monitoria no ensino de psicologia da aprendizagem. Revista online de extensão da UFGD, Dourados, v. 1, p. 67-78, 2014.

UFGD - UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS. Edital de abertura PROGRAD nº 12 de 21 de julho de 2020: seleção simplificada para monitoria com bolsa e voluntária para o primeiro e segundo módulo do regime acadêmico emergencial (RAE) 2020. Dourados: UFGD, 2020a.

UFGD - UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS. Portaria nº 367: Aprovação do Regime Acadêmico Especial Graduação. Boletim de serviços, Dourados, n. 4170, 2020b.

UFGD - UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS. Portaria RTR nº 249: Suspensão do calendário acadêmico por tempo indeterminado a partir de 17-04-2020. Boletim de serviços, Dourados, n. 4060, 2020c.

VARGAS, Julie. Como formular objetivos comportamentais úteis. São Paulo: EPU, 1974.

Downloads

Publicado

23-12-2022

Como Citar

FURCIN, Henrique Cabral; SOUZA, Felipe Maciel dos Santos. O ensino não parou: o papel do monitor em uma disciplina de análise do comportamento durante a pandemia de COVID-19. Educação em Análise, Londrina, v. 7, n. 2, p. 557–571, 2022. DOI: 10.5433/1984-7939.2022v7n2p557. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/educanalise/article/view/45661. Acesso em: 15 jul. 2024.