A representação do sujeito moderno entre o simbolismo e a geração de Orpheu

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5433/1678-2054.2012v23p67

Palavras-chave:

Mímesis, Representação do sujeito soderno, Geração de Orpheu

Resumo

O presente artigo propõe uma leitura dos poemas “Final” (Camilo Pessanha), “Impressões do Crepúsculo” (Fernando Pessoa) e “16” (Mario de Sá-Carneiro), a fim de investigar seus pontos de convergência, propondo-se a afirmação de que os textos em questão são representativos de uma nova maneira de se perceber o sujeito na viragem do século XIX ao XX, apresentando-os como produções emblemáticas de um novo conceito de mímesis que se estabeleceu a partir da ruptura de Kant com a tradição metafísica cartesiana.

Biografia do Autor

Rodrigo Xavier, Universidade Tecnológica Federal do Paraná

Doutorado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Professor Adjunto na Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Referências

ANDRADE, Carlos Drummond de. Antologia Poética. Rio de Janeiro: Record, 2001.

GAY, Peter. Modernismo: o fascínio da heresia: de Baudelaire a Beckett e mais um pouco. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

GIL, José. Fernando Pessoa ou a Metafísica das Sensações. Lisboa: Relógio D’Água, 1987.

KANT, Immanuel. Introdução à Crítica do Juízo. Textos selecionados. São Paulo: Abril Cultural, 1980.

LIMA, Luiz Costa. Mímesis: desafio ao pensamento. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2000.

LIND, Georg Rudolph. Teoria Poética de Fernando Pessoa. Porto: Editora Inova, 1970.

PESSANHA, Camilo. Clepsidra e Poesias Dispersas. Mem Martins: Publicações EuropaAmérica, 1997.

PESSOA, Fernando. O Eu profundo e os outros Eus. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980.

SÁ-CARNEIRO, Mário. 16: Orpheu, Lisboa, n. 1, Revista trimestral de Literatura 1915. Edição Fac-símile. Disponível em: < http://pt.scribd.com/doc/67991299/Revista-Orpheu-N%C2%BA-1-pdf-rev>. Acesso em: 28 maio. 2012.

Downloads

Publicado

30-09-2012

Como Citar

XAVIER, Rodrigo. A representação do sujeito moderno entre o simbolismo e a geração de Orpheu. Terra Roxa e Outras Terras: Revista de Estudos Literários, [S. l.], v. 23, p. 67–77, 2012. DOI: 10.5433/1678-2054.2012v23p67. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/terraroxa/article/view/25032. Acesso em: 23 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos