Imagens em (ciber)guerra: representações do ciberconflito no cinema de ficção científica (2000-2012)

Autores

  • Artur Matos Alves Universidade Atlântica

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0383.2013v34n2p191

Palavras-chave:

Ficção científica, Cinema, Ciberconflito, Cyberpunk.

Resumo

Este artigo procura reflectir sobre as representações do ciberconflito no cinema de ficção científica da última década. Procura dar uma perspectiva sociopolítica sobre o conflito no ciberespaço, a representação de actores e dos contextos em que esta se desenrola, relacionando a emergência destas representações com o contexto histórico actual da esfera digital. Adoptando uma perspectiva crítica com elementos de análise retórica, semiológica e discursiva, a discussão centra-se nas seguintes questões: que personagens, cenários e contextos de ciberconflito são representados no cinema de ficção científica da última década? Como são representadas tecnologias, grupos sociais e indivíduos? Por fim, como são representadas as relações de poder subjacentes, e quais os valores dominantes que dão forma a essas representações?

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Artur Matos Alves, Universidade Atlântica

Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa. Licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa.

Downloads

Publicado

14.12.2013

Como Citar

ALVES, A. M. Imagens em (ciber)guerra: representações do ciberconflito no cinema de ficção científica (2000-2012). Semina: Ciências Sociais e Humanas, [S. l.], v. 34, n. 2, p. 191–206, 2013. DOI: 10.5433/1679-0383.2013v34n2p191. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/seminasoc/article/view/17681. Acesso em: 20 maio. 2024.

Edição

Seção

Dossiê