Desempenho comportamental, produtivo, reprodutivo e termorregulador de vacas em lactação 3/4 e 7/8 Holandês/Gir

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2021v42n3p1245

Palavras-chave:

Ambiência, Produção Leiteira, Termotolerância.

Resumo

Objetivou-se avaliar o desempenho comportamental, produtivo, reprodutivo e termorregulador de vacas leiteiras 3/4 e 7/8 Holandês/Gir (HG), com intuito de identificar qual composição genética sofre menor estresse térmico pelo calor. Foi utilizado um delineamento inteiramente casualizados com 20 vacas mestiças, em lactação, multíparas, pertencentes à propriedade leiteira localizada no município de Turvânia, GO. Durante o período experimental, a cada 15 dias foram coletados dados das características comportamentais, produtivas, reprodutivas e termorreguladoras. Para a realização das análises estatísticas foi utilizado o programa estatístico Bioestat (5.0). Os valores médios obtidos durante todo o período experimental para índice de temperatura e umidade, temperatura ambiente e umidade relativa do ar foram 74,45, 30,51ºC e 63,64%, respectivamente. Quanto ao desempenho reprodutivo, houve diferença significativa (p < 0,05) entre as composições genéticas para o intervalo do parto ao primeiro serviço, observando valor maior para os animais com maior composição genética da raça Holandesa. Para as características período de serviço e intervalo de parto foram constatadas diferenças significativas (p < 0,05) durante o período experimental entre as composições genéticas. Foi encontrado diferença significativa (p < 0,05) entre as composições na característica de frequência respiratória, observando-se maior frequência para os animais com maior composição genética europeia. Foi observado diferença significativa (p < 0,05) na característica índice de conforto de Benezra, onde foi encontrado maior valor para a composição genética 7/8 HG. As vacas em lactação com composição genética 7/8 HG obtiveram melhores resultados na produção de leite, mas em contrapartida a composição genética 3/4 HG mostraram superioridade na composição de gordura do leite e no desempenho reprodutivo e termorregulador, evidenciando maior adaptação as condições climáticas da região.

Biografia do Autor

Diogo Alves da Costa Ferro, Universidade Estadual de Goiás

Prof. Dr., Curso de Zootecnia e Medicina Veterinária e Mestre em Produção Animal e Forragem, Universidade Estadual de Goiás, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Rafael Alves da Costa Ferro, Universidade Estadual de Goiás

Prof. Dr., Curso de Zootecnia e Medicina Veterinária e Mestre em Produção Animal e Forragem, Universidade Estadual de Goiás, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Klayto José Gonçalves dos Santos, Universidade Estadual de Goiás

Prof. Dr., Curso de Zootecnia e Medicina Veterinária e Mestre em Produção Animal e Forragem, Universidade Estadual de Goiás, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Aracele Pinheiro Pales dos Santos, Universidade Estadual de Goiás

Profa Dra, Curso de Zootecnia e Medicina Veterinária e Mestre em Produção Animal e Forragem, Universidade Estadual de Goiás, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Rodrigo Zaiden Taveira, Universidade Estadual de Goiás

Prof. Dr., Curso de Zootecnia e Medicina Veterinária e Mestre em Produção Animal e Forragem, Universidade Estadual de Goiás, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Bruna Paula Alves da Silva, Faculdade União de Goyazes

Profa, Curso de Medicina Veterinária, Faculdade União de Goyazes, FUG, Trindade, GO, Brasil.

Lídia Mendes de Aquino Gontijo, Universidade Estadual de Goiás

Zootecnista, M.e em Desenvolvimento Rural Sustentável, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Juvenal Matheus da Cruz Lopes, Universidade Estadual de Goiás

Graduando em Zootecnia, UEG, São Luís de Montes Belos, GO, Brasil.

Referências

Balancin, A., Jr., Prata, M. A., Moreira, H. L., Vercesi, A. E., Fº., Cardoso, V. L., & Faro, L. E. (2014). Avaliação de desempenho produtivo e reprodutivo de animais mestiços do cruzamento Holandês x Gir. Boletim de Indústria Animal, 71(4), 357-364. doi: 10.17523/bia.v71n4p357

Benezra, M. V. (1954). A new index measuring the adaptability of cattle to tropical conditions. Journal Animal Science, 13(4), 1015.

Broom, D. M., & Fraser, A. F. (2010). Comportamento e bem-estar de animais domésticos. Barueri: Manole.

Cruz, P. F. F., Monteiro, C. P., Guimarães, E. C., Antunes, R. C., & Nascimento, M. R. B. M. (2016). Physiological parameters, hair coat morphological characteristics and temperature gradients in holstein-gyr crossbred cows. Bioscience Journal, 32(2), 471-477. doi: 10.14393/BJ-v32n2a2016-29827

Daltro, D. S., Fischer, V., Alfonzo, E. P. M., Dalcin, V. C., Stumpf, M. T., Kolling, G. J.,… Mcmanus, C. (2017). Infrared thermography as a method for evaluating the heat tolerance in dairy cows. Revista Brasileira de Zootecnia, 46(5), 374-383. doi: 10.1590/s1806-92902017000500002

Db-City (2018). Turvânia. Recuperado de http://pt.db-city.com/Brasil--Goi%C3%A1s--Turv%C3%A2nia

Dias, J. A. (2012). Procedimentos para a coleta de amostras de leite para contagem de células somáticas, contagem bacteriana total e detecção de resíduos de antibióticos. Porto Velho: Embrapa.

Façanha, D. A. E., Silva, R. G., Maia, A. S. C., Guilhermino, M. M., & Vasconcelos, A. M. (2010). Variação anual de características morfológicas e da temperatura de superfície do pelame de vacas da raça Holandesa em ambiente semiárido. Revista Brasileira de Zootecnia, 39(4), 837-844. doi: 10.1590/S1516-35982010 000400020

Ferreira, A. M. (2012). Manejo reprodutivo: práticas corretas e incorretas. In A. M. Ferreira, Manejo reprodutivo de bovinos leiteiros: práticas corretas e incorretas, casos reais, perguntas e respostas. (pp. 331-430). Valença: FAA.

Ferreira, I. C., Martins, C. F., Fonseca, A. M. Neto. & Cumpa, H. C. B. (2017). Conforto térmico em bovinos leiteiros a pasto. Planaltina: EMBRAPA Cerrados.

Ferro, D. A. C., Ferro, R. A. C., Santos, A. P. P., Santos, K. J. G., Silva, B. P. A., Ferreira, J. M.,... Silva, B. H. L. (2019). Thermoregulatory, behavioral, and production traits of ½ and ¾ Holstein/Gir dairy cows. Semina: Ciências Agrárias, 40(4), 1595-1604. doi: 10.5433/1679-0359.2019v40n4p1595

Gonsalves, J., Neto. (2012). Manual do produtor de leite. Viçosa, MG: Aprenda fácil.

Guimarães, J. D., Alves, N. G., Costa, E. P., Silva, M. R., Costa, F. M. J., & Zamperline, B. (2002). Eficiência reprodutiva e produtiva em vacas das raças Gir, Holandês e cruzadas Holandês x Zebu. Revista Brasileira de Zootecnia, 31(2), 641-647. doi: 10.1590/S1516-35982002000300014

Instrução Normativa nº 76 de 26 de Novembro de 2018. (2018). Diário Oficial da República Federativa do Brasil. Brasília, DF, p. 9, seção 1.

Mendes, L. B. F., Silva F. F., Silva, R. R., Carvalho P. G. G., Cardoso O. E., Rocha Neto, A. L., Oliveira, J. S., Costa, L. T., Santana Júnior, H. A. & Pinheiro, A. A. (2013). Avaliação do comportamento ingestivo de vacas leiteiras em pastejo de brachiaria brizantha recebendo diferentes teores de concentrado na dieta. Semina: Ciências Agrárias, 34(6), 2977-2990. doi: 10.5433/1679-0359.2013v34n6p2977

Oliveira, M. K., Castro, F. H. G., Herculano, N. B., Mourthé, F. H. M., Santos, A. R., & Pires, V. A. (2016). Comportamento ingestivo de bovinos leiteiros alimentados com farelo de crambe. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, 68(2), 439-447. doi: 10.1590/1678-4162-7995

Pinheiro, A. A., Veloso, C. M., Santana, H. A. Jr., Lima, L. P., Silva, F. F., Silva, R. R.,... Cardoso, E. O. (2011). Intervalos entre observações com diferentes escalas de tempo no comportamento ingestivo de vacas leiteiras confinadas. Revista Brasileira de Saúde Produção Animal, 12(3), 670-679.

Pires, M. F. A., Castro, C. R. T., Oliveira, V. M. & Paciullo, D. S. C. (2010). Conforto e bem-estar para bovinos leiteiros. In: Auad, A. M., Brighenti, A. M., Carneiro, A. V., Ribeiro, A. C. de C. L., Carvalho, A. da C., Freitas, A. F. de,... Rocha, W. S. D. da. (Eds.), Manual de bovinocultura de leite. (pp. 395-426). Brasília: LK Editor; Belo Horizonte: SENAR-AR/MG; Juiz de Fora: EMBRAPA.

Prata, M. A., Pereira, M. C., Faro, L, Cardoso, V. L., Vercesi, A. E. Fº. Verneque, R. S., Bruneli, F. A. T. & Peixoto, M. G. C. D. (2014). Efeito do intervalo de partos sobre a eficiência produtiva e econômica em rebanhos gir leiteiro. Boletim da Indústria Animal, 71(1), 1-7. doi: 10.17523/bia.2014.v71n1

Rezende, S. R., Munhoz, S. K., Nascimento, M. R. B. M., & Guimarães, J. L. N. (2015). Características de termorregulação em vacas leiteiras em ambiente tropical: revisão. Veterinária Notícias Veterinary News, 21(1). doi: 10.14393/VTv21n1a2015.24709

Rodrigues, A. L., Souza, B. B., & Pereira, J. M., Fº. (2010). Influência do sombreamento e dos sistemas de resfriamento no conforto térmico de vacas leiteiras. Agropecuária Científica no Semiárido, 6(2), 14-22. doi: 10.30969/acsa.v6i2.62

Santana, H. A., Jr., Silva, R. R., Carvalho, G. G. P., Silva, F. F., Costa, P. B., Mendes, F. B. L., Pinheiro, A. A., Santana, E. O. C., Abreu Filho, G., & Trindade Junior, G. (2014). Metodologias para avaliação do comportamento ingestivo de novilhas suplementadas a pasto. Semina: Ciências Agrárias, 35(3), 1475-1486. doi: 10.5433/1679-0359.2014v35n3p1475

Santos, L. V., Carvalho, C. D. C. S., Ruas, J. R. M., Diniz, T. A., Silva, E. A. da, & Moreira, S. D. J. M. (2018). Impacto do microclima sobre a fisiologia, pelame e produção de leite de vacas lactantes em diferentes estações do ano. Revista de Ciências Agroveterinárias, 17(3), 368-376. doi: 10.5965/223811711732018 368

Schüller, L. K., Burfeind, O., & Heuwieser, W. (2014). Impact of heat stress on conception rate of dairy cows in the moderate climate considering different temperature-humidity index thresholds, periods relative to breeding, and heat load indices. Theriogenology, 81(8), 1050-1057. doi: 10.1016/j.theriogenology.2014. 01.029

Silva, N. M. (2019). Efeitos da limitação do acesso à sombra e ducha sobre o comportamento, variáveis fisiológicas e produtivas de vacas holandesas. Dissertação de mestrado em Zootecnia, Universidade Estadual de Maringá, PR, Brasil.

Silva, R. G. (2000). Introdução á bioclimatologia animal. São Paulo: Nobel.

Silva, R. G., Guilhermino, M. M., & Morais, D. A. E. F. (2010). Thermal radiation absorbed by dairy cows in pasture. International Journal of Biometeorology, 54(1), 5-11. doi: 10.1007/s00484-009-0244-1

Silveira, R. M. F., Vasconselos, A. M., Araújo, J. M., Ferreira, J. B., Oliveira, P. G. A., & Brito, T. M. (2018). Influência dos índices reprodutivos na produção leite de vacas mestiças criadas no litoral Cearense. ACSA, 14(2), 117-122. doi: 10.30969/acsa.v14i2.938

Thom, E. C. (1958). Cooling degrees - days air conditioning, heating, and ventilating. Transactions of the ASAE, 55(7), 65-72.

Vargas, D. P., Nörnberg, J. L., Oliveira, M. R., Sheibler, R. B., Breda, F. C., & Milani, M. P. (2014). Correlações entre contagem de células somáticas e parâmetros físico-químicos e microbiológicos de qualidade do leite. Ciência Animal Brasileira, 15(4), 473-483. doi: 10.1590/1809-6891v15i420637

Xiong, Y., Green, A., & Gates, R. S. (2015). Características do ambiente térmico de trailer durante o transporte comercial de suínos gerenciado de acordo com as diretrizes da indústria dos EUA. Animals, 5(2), 226-244. doi: 10.3390/ani5020226

Downloads

Publicado

2021-03-19

Como Citar

Ferro, D. A. da C., Ferro, R. A. da C., Santos, K. J. G. dos, Santos, A. P. P. dos, Taveira, R. Z., Silva, B. P. A. da, … Lopes, J. M. da C. (2021). Desempenho comportamental, produtivo, reprodutivo e termorregulador de vacas em lactação 3/4 e 7/8 Holandês/Gir. Semina: Ciências Agrárias, 42(3), 1245–1258. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2021v42n3p1245

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)