Avaliação nutricional do sorgo cultivado com diferentes adubos orgânicos para frangos de crescimento lento

Autores

  • Carla Fonseca Alves Campos Universidade Federal do Tocantins http://orcid.org/0000-0003-2982-3994
  • Jefferson Costa de Siqueira Universidade Federal do Maranhão
  • Kênia Ferreira Rodrigues Universidade Federal do Tocantins
  • Roberta Gomes Marçal Vieira Vaz Universidade Federal do Tocantins
  • Susana Queiroz Santos Mello Universidade Federal do Tocantins
  • Iberê Pereira Parente Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão
  • Mônica Calixto da Silva Universidade Federal do Tocantins
  • Aline Ferreira Amorim Universidade Federal do Tocantins
  • Valquíria Sousa Silva Universidade Federal do Tocantins
  • Caroliny Costa Araújo Universidade Federal do Tocantins

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2017v38n5p3341

Palavras-chave:

Avicultura alternativa, Aesempenho produtivo, Energia metabolizável.

Resumo

Objetivou-se no presente trabalho avaliar o sorgo cultivado com diferentes adubos orgânicos sobre a composição química, valores energéticos, coeficientes de metabolizabilidade dos nutrientes e sua utilização na alimentação de frangos de crescimento lento. Foram realizados dois experimentos, no primeiro foram utilizadas 200 aves de 21 dias de idade, distribuídas em delineamento inteiramente casualizado (DIC), com cinco tratamentos e quatro repetições de 10 aves por unidade experimental. Os tratamentos consistiram de uma dieta referência e quatro dietas testes (sorgo adubado com crotalária, sorgo adubado com milheto, sorgo adubado com húmus e sorgo sem adubação), na qual os sorgos substituíram 30% da dieta referência. Foram avaliados a energia metabolizável aparente (EMA), energia metabolizável aparente corrigida para o balanço de nitrogênio (EMAn), os coeficientes de metabolizabilidade da matéria seca, proteína bruta e energia bruta. No ensaio de desempenho, foram utilizados 200 pintos de 1 dia de idade, distribuídos em delineamento experimental inteiramente casualizado, com cinco tratamentos (T1 - ração referência com milho comercial, T2 – ração com sorgo adubado com crotalária, T3 – ração com sorgo adubado com milheto, T4 – ração com sorgo adubado com húmus e T5 – ração com sorgo sem adubação) e quatro repetições de 10 aves por unidade experimental. Foram avaliados o ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar e o peso final aos 28 dias. Os valores determinados de EMA e EMAn dos sorgos adubados com crotalária, milheto, húmus e o sorgo sem adubação foram de 2894 Kcal kg-1 e 2881 Kcal kg-1; 2736 Kcal kg-1 e 2675 Kcal kg-1; 2727 Kcal kg-1 e 2694 Kcal kg-1; 2994 Kcal kg-1 e 2959 Kcal kg-1, respectivamente, e os coeficientes de metabolizabilidade da MS, PB e EB foram: 76,04%, 42,01% e 75,25% para o sorgo adubado com crotalária; 77,50%, 50,77% e 75,95% para o sorgo adubado com milheto; 77,62%, 46,39% e 75,54% para o sorgo adubado com húmus e 75,83%, 39,53% e 74,71% para o sorgo cultivado sem adubação, respectivamente. Observou-se que a utilização dos sorgos cultivados com diferentes adubações não afetou (P > 0,05) o ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar e peso final. A adubação verde com crotalaria e milheto, e o uso de húmus de esterco bovino são alternativas que podem ser utilizadas no cultivo do sorgo, pois propiciaram grãos com composição nutricional, valores energéticos e coeficientes de metabolizabilidade adequados ao desempenho de frangos de crescimento lento de 1 a 28 dias de idade.

Biografia do Autor

Carla Fonseca Alves Campos, Universidade Federal do Tocantins

Discente de Doutorado, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical, Universidade Federal do Tocantins, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Jefferson Costa de Siqueira, Universidade Federal do Maranhão

Prof. Dr. Universidade Federal do Maranhão, UFMA, Centro de Ciências Agrárias e Ambientais, Chapadinha, MA, Brasil.

Kênia Ferreira Rodrigues, Universidade Federal do Tocantins

Profa Dra, Departamento de Zootecnia da Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Roberta Gomes Marçal Vieira Vaz, Universidade Federal do Tocantins

Profa Dra, Departamento de Zootecnia da Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Susana Queiroz Santos Mello, Universidade Federal do Tocantins

Profa Dra, Departamento de Zootecnia da Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Iberê Pereira Parente, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão

Prof., Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Presidente Dutra, MA, Brasil.

Mônica Calixto da Silva, Universidade Federal do Tocantins

Pós-Doutoranda, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Aline Ferreira Amorim, Universidade Federal do Tocantins

Discente de Doutorado, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical, Universidade Federal do Tocantins, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Valquíria Sousa Silva, Universidade Federal do Tocantins

Discente de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Caroliny Costa Araújo, Universidade Federal do Tocantins

Discente de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical, UFT, Araguaína, TO, Brasil.

Downloads

Publicado

2017-10-03

Como Citar

Campos, C. F. A., Siqueira, J. C. de, Rodrigues, K. F., Vaz, R. G. M. V., Mello, S. Q. S., Parente, I. P., … Araújo, C. C. (2017). Avaliação nutricional do sorgo cultivado com diferentes adubos orgânicos para frangos de crescimento lento. Semina: Ciências Agrárias, 38(5), 3341–3352. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2017v38n5p3341

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >> 

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.