Efeito da administração de Flunixina Meglumine sobre as características seminais de machos ovinos e caprinos

Autores

  • Maurício Francisco Vieira Neto Universidade Estadual do Ceará
  • Inti Campos Salles Rodrigues Universidade Estadual do Ceará
  • Jaqueline da Silva Leles Universidade Estadual do Ceará
  • Érica Pinto de Araújo Universidade Federal do Ceará
  • Aderson Martins Viana Neto Universidade Federal do Ceará
  • Felipe Viana de Carvalho Universidade Estadual do Ceará
  • Maria Gorete Flores Salles Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
  • Airton Alencar de Araújo Universidade Estadual do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2017v38n5p3145

Palavras-chave:

Andrologia, Prostaglandinas, Qualidade Seminal, Reprodução Animal.

Resumo

A degeneração testicular é um processo multifatorial que leva ao aumento das prostaglandinas no plasma do ejaculado, sendo que tanto seu acréscimo quanto a redução baixam a qualidade seminal. A Flunixina Meglumine é um potente anti-inflamatório, capaz de modular a produção de prostaglandinas, amplamente difundido na reprodução de fêmeas, mas pouco utilizado em machos para esse fim. Por isso, esse trabalho buscou avaliar o efeito deste fármaco sobre a qualidade seminal de machos ovinos e caprinos que apresentem quadro espermático desfavorável à reprodução. Para tanto, um total de 15 reprodutores pertencentes à Universidade Federal do Ceará foram avaliados, dos quais foram selecionados seis bodes e quatro carneiros com sêmen de baixa qualidade, segundo os critérios do Colégio Brasileiro de Reprodução Animal (CBRA). Foram realizadas três colheitas prévias de cada animal, aplicado o tratamento com Flunixina Meglumine e, em seguida, foram colhidos ejaculados de dois momentos posteriores à aplicação do fármaco (do D21 ao D35 e do D49 ao D63). Os parâmetros espermáticos de natureza macro e microscópica, assim como a circunferência escrotal e o percentual de patologias espermáticas foram comparados entre os três momentos e os dados de distribuição normal foram avaliados por ANOVA a 5% de probabilidade e as comparações entre os momentos dentro de cada espécie quando significativa foram feitas pelo teste de Tukey. Houve melhora na motilidade massal, motilidade percentual e vigor espermático. Não ocorreu variação da circunferência escrotal e, no tocante às patologias espermáticas, observou-se um aumento no número de espermatozoides normais, devido a uma redução significativa de defeitos menores e maiores, sendo que estes permaneceram menores mesmo após cessar a influência do tratamento. Assim, a Flunixina Meglumine mostrou uma ação benéfica sobre os parâmetros seminais de machos ovinos e caprinos com quadro espermático desfavorável, sugerindo a indicação do fármaco para o tratamento de machos que passaram por injúrias testiculares diversas ou reprodutores com declínio da qualidade seminal devido à idade avançada.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Maurício Francisco Vieira Neto, Universidade Estadual do Ceará

Discente de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, PPGCV, Universidade Estadual do Ceará, UECE, Fortaleza, CE, Brasil.

Inti Campos Salles Rodrigues, Universidade Estadual do Ceará

Mestre, Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, PPGCV, UECE, Fortaleza, CE, Brasil.

Jaqueline da Silva Leles, Universidade Estadual do Ceará

Mestre, Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, PPGCV, UECE, Fortaleza, CE, Brasil.

Érica Pinto de Araújo, Universidade Federal do Ceará

Discente de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Zootecnia, PPGZ, Universidade Federal do Ceará, UFC, Fortaleza, CE, Brasil.

Aderson Martins Viana Neto, Universidade Federal do Ceará

Discente de Doutorado, Programa de Doutorado Integrado em Zootecnia, PDIZ, UFC, Fortaleza, CE, Brasil.

Felipe Viana de Carvalho, Universidade Estadual do Ceará

Discente de Graduação em Medicina Veterinária, UECE, Fortaleza, CE, Brasil.

Maria Gorete Flores Salles, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Profa Adjunta, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, UNILAB, Redenção, CE, Brasil.

Airton Alencar de Araújo, Universidade Estadual do Ceará

Prof. Associado, Universidade Estadual do Ceará, UECE, Fortaleza, CE, Brasil.

Downloads

Publicado

2017-10-03

Como Citar

Vieira Neto, M. F., Rodrigues, I. C. S., Leles, J. da S., Araújo, Érica P. de, Viana Neto, A. M., Carvalho, F. V. de, Salles, M. G. F., & Araújo, A. A. de. (2017). Efeito da administração de Flunixina Meglumine sobre as características seminais de machos ovinos e caprinos. Semina: Ciências Agrárias, 38(5), 3145–3154. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2017v38n5p3145

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)