Comportamento ingestivo de novilhos de corte sob diferentes alturas de pastejo do capim Tanzânia

Autores

  • Rondineli Pavezzi Barbero Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias do Campus de Jaboticabal
  • Marco Aurélio Alves de Freitas Barbosa Universidade Estadual de Londrina
  • Letícia Maria de Castro Universidade Estadual de Londrina
  • Edson Luis de Azambuja Ribeiro Universidade Estadual de Londrina
  • Ivone Yurika Mizubuti Universidade Estadual de Londrina
  • Fernando Luiz Massaro Júnior Universidade Estadual de Londrina
  • Leandro das Dores Ferreira da Silva Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2012v33n6Supl2p3287

Palavras-chave:

Ócio, Ruminação, Taxa de bocado.

Resumo

Foi avaliado o comportamento ingestivo de bovinos em quatro alturas de pastejo do capim Tanzânia. Foram utilizados 12 piquetes de um hectare cada, com três repetições para cada altura, utilizando três bovinos nelore, machos por piquete, mais reguladores de altura. Foram observados horários e tempo diurno de pastejo, ruminação e ócio, taxa de bocados e ruminações, duração dos ciclos de pastejo e ruminação, além de serem colhidas amostras de forragem ao nível do solo e por simulação de pastejo para avaliar possível seletividade de forragem pelos animais. O delineamento foi inteiramente casualizado, e foi realizada análise de variância, sendo que nas variáveis contínuas aplicaram-se a regressão, e nas variáveis discretas, testes de médias (P < 0,05). A taxa de bocados apresentou comportamento linear crescente conforme aumento da altura do dossel, enquanto que nas menores houve maior dispêndio de tempo na busca por massa de forragem. O tempo de pastejo foi linear decrescente conforme aumento da altura do dossel, mas o contrário foi observado para ruminação. Em todas as alturas foi observada seletividade de forragem pelos animais.

 

Biografia do Autor

Rondineli Pavezzi Barbero, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias do Campus de Jaboticabal

Zootecnista, Discente de Doutorado de Pós-graduação em Zootecnia da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias do Campus de Jaboticabal, UNESP, Jaboticabal, SP.

Marco Aurélio Alves de Freitas Barbosa, Universidade Estadual de Londrina

Prof. Dr. do Deptº de Zootecnia,Universidade Estadual de Londrina, UEL, Cx. Postal 6001, 86001-970, Londrina, PR. 

Letícia Maria de Castro, Universidade Estadual de Londrina

Zootecnista, Mestre em Ciência Animal, UEL, Londrina, PR.

Edson Luis de Azambuja Ribeiro, Universidade Estadual de Londrina

Prof. Dr. do Deptº de Zootecnia,Universidade Estadual de Londrina, UEL, Cx. Postal 6001, 86001-970, Londrina, PR. 

Ivone Yurika Mizubuti, Universidade Estadual de Londrina

Profª Drª do Deptº de Zootecnia,Universidade Estadual de Londrina, UEL, Cx. Postal 6001, 86001-970, Londrina, PR.  Bolsista de Produtividade do CNPq. Londrina-Pr.

Fernando Luiz Massaro Júnior, Universidade Estadual de Londrina

Zootecnista, Discente de Doutorado do Programa de Pós-graduação em Ciência Animal, UEL, Londrina, PR.

Leandro das Dores Ferreira da Silva, Universidade Estadual de Londrina

Prof. Dr. do Deptº de Zootecnia,Universidade Estadual de Londrina, UEL, Cx. Postal 6001, 86001-970, Londrina, PR. 

Downloads

Publicado

2013-02-28

Como Citar

Barbero, R. P., Barbosa, M. A. A. de F., Castro, L. M. de, Ribeiro, E. L. de A., Mizubuti, I. Y., Massaro Júnior, F. L., & Silva, L. das D. F. da. (2013). Comportamento ingestivo de novilhos de corte sob diferentes alturas de pastejo do capim Tanzânia. Semina: Ciências Agrárias, 33(6Supl2), 3287–3294. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2012v33n6Supl2p3287

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 > >>