Análise espacial da produção leiteira usando um modelo autoregressivo condicional

Autores

  • Patricia Ferreira Ponciano Universidade Federal de Lavras
  • João Domingos Scalon Universidade Federal de Lavras

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2010v31n2p487

Palavras-chave:

Produção de leite, Regressão linear, Análise espacial, Modelo auto-regressivo condicional

Resumo

A produção de leite é uma das atividades mais importantes para a economia brasileira e o uso de modelos estatísticos pode auxiliar a tomada de decisão neste setor produtivo. O objetivo deste artigo foi comparar o desempenho do modelo de regressão linear tradicional e do modelo de regressão espacial, denominado de autoregressivo condicional (CAR), para explicar como algumas variáveis preditoras contribuem para a quantidade de leite produzido. Este trabalho usou uma base de dados sobre a produção de leite fornecida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e outra base de dados sobre informações geográficas do estado de Minas Gerais, fornecida pelo Programa Integrado de Uso da Tecnologia de Geoprocessamento (GEOMINAS). Os resultados mostraram a superioridade do modelo CAR sobre o modelo de regressão tradicional. O modelo CAR possibilitou a identificação de dois conglomerados espaciais de municípios distintos de produção de leite no estado de Minas Gerais. O primeiro conglomerado representa a região onde se observa os maiores níveis de produção de leite, sendo formado pelos municípios do Triângulo Mineiro. O segundo conglomerado é formado pelos municípios do norte do estado que apresentam os menores níveis de produção de leite.

Biografia do Autor

Patricia Ferreira Ponciano, Universidade Federal de Lavras

Zootecnista, Universidade  Federal de Lavras. Caixa Postal  3037, CEP: 37200-000, Lavras-MG.

João Domingos Scalon, Universidade Federal de Lavras

Professor Associado II do Departamento de Ciência Exatas (DEX) da Universidade Federal de Lavras (UFLA). Bacharel em Estatística - Universidade Federal São Carlos. Mestre em Engenharia Biomédica - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Doutor em Probabilidade e Estatística – Department of Probability and Statistics - University of Sheffield – Inglaterra. Pós-doutor – Neuroscience Statistics Research Laboratory – Harvard University – USA.

Downloads

Publicado

2010-07-30

Como Citar

Ponciano, P. F., & Scalon, J. D. (2010). Análise espacial da produção leiteira usando um modelo autoregressivo condicional. Semina: Ciências Agrárias, 31(2), 487–496. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2010v31n2p487

Edição

Seção

Artigos