Glicerina bruta na dieta de ovinos confinados: consumo, digestibilidade, desempenho, medidas morfométricas da carcaça e características da carne

Autores

  • Mauriceia Costa Carvalho Barros Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Jair de Araújo Marques Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
  • Fabiano Ferreira da Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Robério Rodrigues Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Gilmara Santos Guimarães Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Luciano Lemos da Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Fabiana Lana de Araújo Universidade Federal de Viçosa

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2015v36n1p453

Palavras-chave:

Biodiesel, Pequenos ruminantes, Sistema intensivo.

Resumo

O objetivo foi avaliar os efeitos dos níveis de glicerina bruta (GB) (0; 2,65; 5,33; 8,06 e 10,84% na base da matéria seca) sobre o consumo, digestibilidade, desempenho, medidas morfométricas da carcaça e qualidade da carne de ovinos terminados em confinamento. Foram utilizados 25 cordeiros mestiços Santa Inês x Dorper, machos, castrados, com peso corporal médio de 24 ± 2,0 kg, alojados em baias individuais, em delineamento inteiramente casualizado. Os níveis de GB na dieta provocaram efeito linear decrescente (P<0,05) sobre os consumos de matéria seca, proteína bruta, fibra em detergente neutro e carboidratos não fibrosos. Resultado inverso foi observado sobre o consumo de extrato etéreo. Os coeficientes de digestibilidade da matéria seca e carboidratos não fibrosos reduziram linearmente (P<0,05) com a adição de glicerina na dieta, enquanto o contrário foi observado para o coeficiente de digestibilidade do extrato etéreo (P<0,05). Não houve influência (P>0,05) dos níveis de glicerina sobre o desempenho dos animais. Não foram observadas diferenças (P>0,05) no peso da carcaça quente, peso da carcaça resfriada, rendimento da carcaça quente, rendimento da carcaça resfriada, perda por resfriamento, estado de engorduramento, comprimento de carcaça, comprimento de perna, profundidade de perna, profundidade de peito, área de olho de lombo, textura, marmoreio e cor. Entretanto, foi observada influência (P<0,05) dos níveis crescentes de glicerina bruta sobre a conformação da carcaça e espessura de gordura na carcaça. A utilização da glicerina bruta reduziu o consumo de nutrientes dos animais, porém, não influenciou o desempenho e características da carcaça, sendo indicada para utilização na dieta de ovinos em confinamento.

 

Biografia do Autor

Mauriceia Costa Carvalho Barros, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Discente do Curso de Pós-Graduação em Zootecnia, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, UESB, Itapetinga, BA.

Jair de Araújo Marques, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Prof. Adjunto, Deptº de Zootecnia, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Campus Cruz das Almas, BA.

Fabiano Ferreira da Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Prof. Dr. do Deptº de Zootecnia, UESB, Itapetinga, BA.

Robério Rodrigues Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Prof. Dr. do Deptº de Zootecnia, UESB, Itapetinga, BA

Gilmara Santos Guimarães, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Discente do Curso de Pós-Graduação em Zootecnia, UESB, Itapetinga, BA.

Luciano Lemos da Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Discente do Curso de Pós-Graduação em Zootecnia, UESB, Itapetinga, BA.

Fabiana Lana de Araújo, Universidade Federal de Viçosa

Drª em Zootecnia, Universidade Federal de Viçosa, UFV, Viçosa, MG.

Downloads

Publicado

2015-02-28

Como Citar

Barros, M. C. C., Marques, J. de A., Silva, F. F. da, Silva, R. R., Guimarães, G. S., Silva, L. L. da, & Araújo, F. L. de. (2015). Glicerina bruta na dieta de ovinos confinados: consumo, digestibilidade, desempenho, medidas morfométricas da carcaça e características da carne. Semina: Ciências Agrárias, 36(1), 453–466. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2015v36n1p453

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 > >>