A atuação do assistente social no atendimento oncológico: realidades, humanização, desafios e possibilidades

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-4842.2023v26n1p79

Palavras-chave:

saúde, oncologia, serviço social, assistente social, humanização

Resumo

O presente trabalho tem como tema a atuação do(a) assistente social no atendimento oncológico: realidades, humanização, desafios e possibilidades. A pesquisa aspirou descrever a atuação do assistente social no atendimento nesse setor, apresentando a realidade destes profissionais e os desafios que enfrentam na busca diária pelo bem-estar dos pacientes. Para desenvolver o presente trabalho, foi realizado um levantamento de literatura acerca da temática, contendo tópicos sobre a Oncologia em questão, direitos da pessoa com câncer, o Serviço Social no Brasil, o Serviço Social na política de saúde e a atuação do assistente social na Oncologia. O estudo tem natureza descritiva, de abordagem qualitativa e recorre ao método dedutivo, o qual se apoiou em revisão integrativa da literatura (SOUZA; SILVA; CARVALHO, 2010) no período compreendido entre os anos de 2010 a 2023, visando ao levantamento dos dados e de informações com vistas a constituir o arcabouço teórico e para a seção de análise. Foi possível concluir que esse profissional busca por meio de seus princípios e experiências, atender de maneira coerente e humanizada os pacientes que sofrem nos leitos dos hospitais, desenvolvendo ações na organização e na prestação da assistência à população.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Karoline Brandão Cavalcante de Almeida, Universidade Federal do Piauí - UFPI

Graduação em Serviço Social pelo Instituto de Ciências Jurídicas e Sociais Professor Camillo Filho . Aluna especial, em nível de mestrado, do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas (CCHL/UFPI).

Jairo de Carvalho Guimarães, Universidade Federal do Piauí - UFPI

Doutor em Educação (UFRJ). Docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas (UFPI). 

Referências

ANACLETO, Graziela; CECCHETTO, Fátima Helena; RIEGEL, Fernando. Cuidado de enfermagem humanizado ao paciente oncológico: revisão integrativa. Revista Enfermagem Contemporânea, v. 9, n. 2, p. 246–254, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v9i2.2737. Acesso em: 07 jun. 2023. DOI: https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v9i2.2737

BERLINGUER, Giovanni. A doença. São Paulo: Hucitec, 2008.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República, 1988. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil03/constituicao /constituicao.htm. Acesso em: 27 jul. 2023.

BRASIL. Lei nº 8.213 de 24 de julho de 1991. Dispõe sobre os Planos de Benefícios da Previdência Social e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República, 1991. Disponível em: https://www.planalto.gov. br/ccivil03/leis/l8213cons.htm. Acesso em: 27 jun. 2023.

BRASIL. Lei nº 8.922 de 25 de julho de 1994. Acrescenta dispositivo ao art. 20 da Lei nº 8.036, de 11 de maio de 1990, para permitir a movimentação da conta vinculada quando o trabalhador ou qualquer de seus dependentes for acometido de neoplasia maligna. Brasília, DF: Presidência da República, 1994. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil03/leis/L8922.htm#:~:text=LEI%20No %208.922%2C%20DE,for%20acometido%20de%20neoplasia%20maligna. Acesso em: 15 maio 2023.

BRENTANI, Maria Mitzi; COELHO, Francisco; KOWALSKI, Luiz Paulo. Bases da oncologia. São Paulo: Lemar Livraria: Marina e Tecmed Editora, 2013.

CABRAL, Rosilda Isabel. A contribuição do serviço social no atendimento ao paciente oncológico. 1995. 73 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, 1995. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/113405. Acesso em: 10 jun. 2022.

CAPELLO, Ellen Maria Candido Souza; VELOSA, Marcela Vendramini Morato; SALOTTI, Selma Regina Axcar; GUIMARÃES, Heloisa Cristina. Enfrentamento do paciente oncológico e do familiar/cuidador frente à terminalidade de vida. Journal of the Health Sciences Institute, São Paulo, v. 30, n. 3, p. 235-240, jul./set. 2012.

CARVALHO, C. S. U. de. A Necessária Atenção à Família do Paciente Oncológico. Revista Brasileira de Cancerologia, [S. l.], v. 54, n. 1, p. 87–96, 2008. DOI 10.32635/2176-9745.RBC.2008v54n1.1765 DOI: https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2008v54n1.1765

CARVALHO, Rafael Nicolau; ALVES, Carmen Silva; ARAÚJO, Roberta Cristina Xavier Silva. Política de saúde e serviço social, programa saúde da família como elemento de debate para o assistente social. In: JORNADA INTERNACIONAL DE POLÍTICAS PÚBLICAS - JOINPP, 3., 2007, Maranhão. Anais [...]. São Luís: PPGPP, 2001.p. 1-8.

CASATE, Juliana Cristina; CORRÊA, Adriana Katia. Humanização do atendimento em saúde: conhecimento veiculado na literatura de enfermagem. Revista Latino-Americana de Enfermagem, São Paulo, v. 13, n. 1, p. 105-111, jan./fev. 2005. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-11692005000100017 DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-11692005000100017

CASTRO, Marina Monteiro Castro. Trabalho em Saúde inserção do assistente social na atenção primaria à saúde em Juiz de Fora/MG. 2009. 200 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Universidade Federal de Juiz de Fora -UFJF, Juiz de Fora, 2009.

CFESS - CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Código de ética profissional dos assistentes sociais. Brasília: CFESS, [2012]. Disponível em: http://www.cfess.org.br/arquivos/Parametros_para_a_Atuacao_de_Assistentes_Sociais_na_Sa ude.pdf. Acesso em: 2 jun. 2022.

CFESS - CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Parâmetros para atuação de assistentes sociais na política de saúde. Brasília: CFESS, 2010. (Série: Trabalho e Projeto Profissional nas Políticas Sociais). Disponível em: http://www.cfess.org.br/arquivos/Parametros_para_a_Atuacao_de_Assistentes_Sociais_na_Saude.pdf. Acesso em: 20 jun. 2022.

COSTA, Danielle Lima. A política nacional de saúde: o assistente social e os desafios de uma ação interdisciplinar. Revista Âmbito Jurídico, São Paulo, ano XX, jun. 2017. Disponível em: https://ambitojuridico.com.br/edicoes/revista-161/a-politica-nacional-de-saude-o-assistente-social-e-os-desafios-de-uma-acao-interdisciplinar/. Acesso em: 26 jul. 2023.

GARCIA, Adir Valdemar et al. O grupo de trabalho de humanização e a humanização da assistência hospitalar: percepção de usuários, profissionais e gestores. Physis, Rio de Janeiro, v. 20, n. 3, p. 811-834, 2010. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-73312010000300007 DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-73312010000300007

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

GUALDA, Judith. A compreensão da doença e do doente. Porto Alegre: Artes Médicas, 2008.

INCA - INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER. Causas e tratamento do câncer. Rio de janeiro: INCA, [2020]. Disponível em: https://www.inca.gov.br/. Acesso em: 20 jun. 2022.

INCA - INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER. Direitos sociais da pessoa com câncer: orientações aos pacientes. 4. ed. Rio de Janeiro, 2014.

LOPES, Miriam; SILVA, Ana Cláudia; FERREIRA, Angélica Maria; LINO, Aline Aparecida Costa Faria. Revisão narrativa sobre a humanização da assistência pela equipe de enfermagem na área oncológica. Revista Eletrônica Gestão & Saúde, Brasília, v. 6, p. 2373-2390, jun. 2015. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rgs/article/view/3115. Acesso em: 20 jul. 2023. DOI: https://doi.org/10.18673/gs.v0i0.22457

MARTINELLI, Maria Lucia. O exercício profissional do assistente social na área da saúde: algumas reflexões éticas. Serviço Social & Saúde, Campinas, v. 6, n. 6, p. 21-33, 2007.

MARTINELLI, Maria Lucia. Serviço social: identidade e alienação. São Paulo: Cortez, 2012.

MIOTO, Regina Célia Tamaso; NOGUEIRA, Vera Maria Ribeiro. Serviço social e saúde: desafios intelectuais e operativos. Revista Ser Social, Brasília, v. 11, n. 25, p. 221-243, 2009. DOI: 10.26512/ser_social.v11i25.12733 DOI: https://doi.org/10.26512/ser_social.v11i25.12733

MOREIRA, Julia Maria Ribeiro; SOUZA, Kaliana Fortunato de; SANTOS, Kenelly Amanda Goes dos; LIMA, Amanda Inácio de; ALMEIDA, Danilo Pessopane de. Cuidados paliativos na oncologia pediátrica: humanização. In: FÓRUM CIENTÍFICO UNIFUNEC: Educação, Ciência e Tecnologia, 29 de setembro a 1º de outubro, Santa Fé do Sul, v. 12, n. 12, 2021.

MOREIRA, Márcia Adriana Dias Meirelles; LUSTOSA, Abdon Moreira; DUTRA, Fernando; BARROS, Eveline de Oliveira; BATISTA, Jaqueline Brito Vidal; DUARTE, Marcella Costa Souto. Políticas públicas de humanização: revisão integrativa da literatura. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 20, n. 10, p. 3231-3242, 2015. DOI 10.1590/1413-812320152010.10462014 DOI: https://doi.org/10.1590/1413-812320152010.10462014

NOGUEIRA, Vera Maria Ribeiro; MIOTO, Regina Célia Tamaso. Desafios atuais do sistema único de saúde – SUS e as exigências para os Assistentes Sociais. In: MOTA, Ana Elizabete et al. Serviço social e saúde: formação e trabalho profissional. São Paulo: Cortez, 2006. p. 218 – 241.

NUNES, Fernanda Letícia Santos. Desafios e perspectivas postos ao Serviço Social no acolhimento a famílias de pacientes oncológicos. 2015. 57 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Centro de Artes, Humanidades e Letras. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Cachoeira, 2015.

RODRIGUES, Inês Gimenes. Cuidados paliativos: análise de conceito. 2004. 247 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem Fundamental) - Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, USP, Ribeirão Preto, 2004. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-17082004-101459/pt-br.php. Acesso em: 15 jun. 2022.

SANTOS, Cíntia Forcione dos. A atuação de assistente social em cuidados paliativos. In: FIGUEIREDO, M. T. A. (org.). Coletânea de textos sobre cuidados paliativos e tanatologia. São Paulo: UNIFESP, 2006. p. 62-64. Disponível em: https://dms.ufpel.edu.br/static/bib/cuidados paliativosetanatologia.pdf. Acesso em: 7 jul. 2022.

SOARES, Tasla Vieira; SILVA, Járison Lopes; ALVES, Sabrina Alaide Amorim. Os impactos da dor oncológica em pacientes idosos. Id on Line, Piedade, v.12, n. 40, 2018. Disponível em: https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/download/1103/1590. Acesso em: 25 jul. 2023. DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v12i40.1103

SOUZA, M. T.; SILVA, M. D.; CARVALHO, R. Revisão integrativa: o que é e como fazer. Revista Einstein, São Paulo, v. 8 n. 2, p. 102-106, abr./jun. 2010. DOI 10.1590/s1679-45082010rw1134 DOI: https://doi.org/10.1590/s1679-45082010rw1134

WHO - WORLD HEALTH ORGANIZATION. Early cancer diagnosis saves lives, cuts treatment costs. Geneva: WHO, Feb. 2017. Disponível em: https://www.who.int/en/news-room/detail/03-02-2017-early-cancer-diagnosis-saves-lives-cuts-treatment-costs. Acesso em: 23 jun. 2021.

Downloads

Publicado

31-07-2023

Como Citar

ALMEIDA, K. B. C. de; GUIMARÃES, J. de C. A atuação do assistente social no atendimento oncológico: realidades, humanização, desafios e possibilidades. Serviço Social em Revista, [S. l.], v. 26, n. 1, p. 79–100, 2023. DOI: 10.5433/1679-4842.2023v26n1p79. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/ssrevista/article/view/46826. Acesso em: 1 mar. 2024.