Fatores causais na predição de cursos de Biblioteconomia nos países em desenvolvimento

Autores

  • Alexandre do Espírito Santo Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0367.1981v2n8p189

Resumo

 

Podem critérios, escolhidos empiricamente, se satisfeitos por um país em desenvolvimento, predizer a existência de curso de Biblioteconomia nesse país? O principal objetivo deste estudo é apresentar um método para determinar o poder discriminatório e eficácia de cada critério, num conjunto de dez critérios, como preditor de faculdade de Biblioteconomia. Vinte e um países em desenvolvimento foram amostrados aleatoriamente de um universo de sessenta e três, segundo classificação das Nações Unidas. Através de técnicas estatísticas, incluindo a correlação ponto-bisserial, testou-se a eficácia de critérios como preditores da existência de faculdade de Biblioteconomia nesses países. Os resultados mostram que a maioria dos critérios tem valor preditivo. Todavia, a interação de critérios econômicos, educacionais, e informacionais é condição sine qua non para que surjam cursos de Biblioteconomia nos países em desenvolvimento.

 

Biografia do Autor

Alexandre do Espírito Santo, Universidade Estadual de Londrina

 

Doctor of Philosophy (Ph. D.) professor no Centro de Educação Comunicação e Artes; FUEL.

 

Downloads

Como Citar

1.
Espírito Santo A do. Fatores causais na predição de cursos de Biblioteconomia nos países em desenvolvimento. Semin. Cienc. Biol. Saude [Internet]. 9º de setembro de 2010 [citado 23º de junho de 2024];2(8):189-98. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/seminabio/article/view/6263

Edição

Seção

Artigos