Avaliação de mudas de beterraba em função do substrato e do tipo de bandeja

Autores

  • Márcia de Moraes Echer
  • Vandeir Francisco Guimarães Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Alice Noemi Aranda
  • Erreinaldo Donizete Bortolazzo
  • Juliana Souza Braga

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2007v28n1p45

Palavras-chave:

Beta vulgaris, Produção de mudas, Massa seca.

Resumo

Visando avaliar o efeito de três substratos, Plantimax, Mogimax, Gioplanta, e bandejas de poliestireno expandido com 128 e 200 células, na produção de mudas de beterraba da cultivar “Early Wonder”, realizou-se um experimento no período de abril a maio de 1998 em Piracicaba- SP. A avaliação foi realizada 40 dias após a semeadura e as variáveis estudas foram altura da planta, comprimento do sistema radicular, massa seca total, massa seca da parte aérea, massa seca de raiz e determinada a razão entre a massa seca da parte aérea e a massa seca das raízes (RPAR). O delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados, em esquema fatorial 3 x 2, com 4 repetições. Em todas as variáveis estudas foi observada diferença significativa para substratos e recipientes. Para massa seca da parte aérea, massa seca total e RPAR foram observadas interações significativas entre tipo de substrato e bandeja. Plantimax e Mogimax mostraram-se superiores para maioria dos parâmetros avaliados. A bandeja com 128 células proporcionou a produção de mudas de melhor qualidade, com maior acúmulo de massa seca, quando comparada às mudas produzidas em bandejas de 200 células, sendo a mais indicada para produção de mudas de beterraba.

Biografia do Autor

Márcia de Moraes Echer

Eng. Agrônoma, Doutora em Fitotecnia.

Vandeir Francisco Guimarães, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Prof. Adjunto do Centro de Ciências Agrárias,UNIOESTE-Marechal Cândido Rondon-PR.

Alice Noemi Aranda

Eng. Agrônomo.

Erreinaldo Donizete Bortolazzo

Eng. Agrônomo.

Juliana Souza Braga

Eng. Agrônomo.

Downloads

Publicado

2007-07-30

Como Citar

Echer, M. de M., Guimarães, V. F., Aranda, A. N., Bortolazzo, E. D., & Braga, J. S. (2007). Avaliação de mudas de beterraba em função do substrato e do tipo de bandeja. Semina: Ciências Agrárias, 28(1), 45–50. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2007v28n1p45

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)