Características de carcaça e constituintes não-carcaça de ovinos alimentados com subproduto de urucum

Autores

  • Dorgival Morais de Lima Júnior Universidade Federal de Alagoas
  • Francisco Fernando Ramos de Carvalho Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Ângela Maria Vieira Batista Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Rossana Herculano Clementino Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Greicy Mitzi Bezerra Moreno Universidade Federal de Alagoas
  • Adriano Henrique do Nascimento Rangel Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Eduardo de Almeida Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Waldonys Moreira Pinheiro Universidade Federal de Alagoas

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2016v37n5p3293

Palavras-chave:

Alimento alternativo, Coproduto, Cortes comerciais, Morfometria da carcaça.

Resumo

O subproduto do urucum é proveniente do pó-corante que recobre o pericarpo da semente; depois do processamento, entre 94 e 98% do produto original e considerado subproduto. O objetivo do estudo foi avaliar o nível crescente de inclusão do subproduto do urucum sobre os componentes do peso corporal de ovinos. Trinta e dois ovinos machos, não castrados, com peso vivo incial de 23,17 ± 1,45 kg, sem raça definida, foram casualizados em quatro tratamentos (0, 100, 200 e 300 g kg?1 de subproduto do urucum na matéria seca da dieta). A adição de 300 g kg?1 subproduto do urucum provocou efeito linear negativo (P < 0,05) sobre o peso da carcaça quente (kg) e fria (kg). A elevação do nível de subproduto de urucum resultou em comportamento linear negativo (P < 0,05) para o peso da paleta (kg), peso da perna (kg), índice de compacidade da carcaça (kg cm?1), peso do fígado (kg) e peso da pele (kg). A inclusão do subproduto do urucum acima de 200 g kg?1 da matéria seca da dieta de ovinos não afeta os componentes do peso corporal de ovinos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Dorgival Morais de Lima Júnior, Universidade Federal de Alagoas

Prof., Universidade Federal de Alagoas, UFAL, Campus Arapiraca, Arapiraca, Alagoas, Brasil.

Francisco Fernando Ramos de Carvalho, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Prof., Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Recife, Pernambuco, Brasil.

Ângela Maria Vieira Batista, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Profa, Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Recife, Pernambuco, Brasil.

Rossana Herculano Clementino, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Profa, Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Recife, Pernambuco, Brasil.

Greicy Mitzi Bezerra Moreno, Universidade Federal de Alagoas

Profa, Universidade Federal de Alagoas, UFAL, Campus Arapiraca, Arapiraca, Alagoas, Brasil.

Adriano Henrique do Nascimento Rangel, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Prof., Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

Eduardo de Almeida Silva, Universidade Federal de Alagoas

Discente do Curso de Graduação em Zootecnia, UFAL, Campus Arapiraca, Arapiraca, Alagoas, Brasil.

Waldonys Moreira Pinheiro, Universidade Federal de Alagoas

Discente do Curso de Graduação em Zootecnia, UFAL, Campus Arapiraca, Arapiraca, Alagoas, Brasil.

Downloads

Publicado

2016-10-26

Como Citar

Lima Júnior, D. M. de, Carvalho, F. F. R. de, Batista, Ângela M. V., Clementino, R. H., Moreno, G. M. B., Rangel, A. H. do N., Silva, E. de A., & Pinheiro, W. M. (2016). Características de carcaça e constituintes não-carcaça de ovinos alimentados com subproduto de urucum. Semina: Ciências Agrárias, 37(5), 3293–3304. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2016v37n5p3293

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>