O Private Label e Seu Estímulo à Cópia na Indústria de Confecção de Vestuário: uma reflexão a partir de um estudo de caso

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5433/2236-2207.2010v1n1p68

Palavras-chave:

Private Label, Indústria do Vestuário, Cópia.

Resumo

O presente trabalho aborda a influência do modelo de gestão conhecido como Private Label no fomento à cópia na Indústria de Confecção de Vestuário, tendo como base para esta reflexão, um estudo de caso desenvolvido em uma empresa cujos métodos são similares aos mencionados. Descreve os procedimentos comuns às indústrias que utilizam a cópia como principal ferramenta de desenvolvimento de produto e o endosso de grandes marcas a essa forma de produção, submetendo tais constatações à análise crítica lastreada em bibliografia relacionada ao tema.

Biografia do Autor

Lucimar de Fátima Bilmaia Emídio, Universidade Estadual de Londrina - UEL

Mestre pela Universidade Estadual de Londrina.

Maria Lívia Sabioni, Universidade Estadual de Londrina - UEL

Especialista pela Universidade Estadual de Londrina.

 

Referências

AMORIM, Elaine Regina Aguiar. No limite da precarização?: terceirização e trabalho feminino na indústria de confecção. 2003. 222 f. Dissertação (Mestrado em Sociologia) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2003.

ARAÚJO, Mário de. Tecnologia do vestuário. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1996.

ARAÚJO, Mário; NEVES, Manuela; NEVES, Jorge. O impacto da globalização e do multiculturalismo no design de moda. In: PIRES, Dorotéia Baduy (Org.). Design de moda: olhares diversos. Barueri, SP: Estação das Letras e Cores Editora, 2008.

BACK, Nelson; OGLIARI, André; DIAS, Acires; SILVA, J Jonny Carlos. Projeto integrado de produtos: planejamento, concepção e modelagem. Barueri, SP: Manole, 2008.

BARCARO, Andrea. Os processos de uma empresa de moda. In: SORCINELLI, Paolo (Org.). Estudar a moda: corpos, vestuários, estratégias. São Paulo: Senac São Paulo, 2008. p.143 ‐ 156.

BLAKLEY, Johanna. Johanna Blakley: lessons from fashion’s free culture. Disponível em: . Acesso em: 21 jul. 2010. BRAGA, João. História da moda. São Paulo: Anhembi Morumbi, 2004.

CALDAS, Dario. Observatório de Sinais: teoria e prática da pesquisa de tendências. Rio de Janeiro: Editora Senac Rio, 2004.

CABRAL, Sandro. Analisando a reconfiguração da cadeia de produção de pneus no Brasil pela economia dos custos de transação. Gestão e Produção, São Carlos, v. 11, n.3, p. 373‐384, set/dez. 2004.

CAPELASSI, Carla Hidalgo. Metodologia projetual para produtos de moda e a sua interface com as tabelas de medidas do vestuário. Baurú, 2010. 102 f. Dissertação (Mestrado em Desenho Industrial) – Universidade Estadual Paulista.

CIDREIRA, Renata Pitombo. Os sentidos da moda: vestuário, comunicação e cultura. São Paulo: Annablume, 2005.

EMÍDIO, Lucimar de Fátima Bilmaia; SABIONI, Maria Lívia. Brechó e Moda: uma alternativa de projeto para substituir o processo de garimpo de peças do vestuário. In: CONGRESSO NACIONAL DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO EM DESIGN, 9, São Paulo, 2010. Anais... São Paulo: PPG em Design, 2010.

GIOZA, Livio Antônio. Terceirização: uma abordagem estratégica. São Paulo: Pioneira, 1993.

LEITE, A. S.; VELLOSO, M. D. Desenho técnico de roupa feminina. Rio de Janeiro: Senac Nacional, 2006.

LIPOVETSKY, G. O império do efêmero: a moda e seu destino nas sociedades modernas. São Paulo: Companhia das Letras, 1989.

LÖBACH, B. Design industrial: bases para a configuração dos produtos industriais. São Paulo: E. Blucher, 2001.

MONTEMEZZO, Maria Celeste de Fátima. Diretrizes metodologias para o projeto de produtos de moda no âmbito acadêmico. Bauru, 2003. 97f. Dissertação (Mestrado em Desenho Industrial) – Universidade Estadual Paulista.

MOREIRA, J.R.C. Relatório setorial preliminar : moda. FINEP, 2007. Disponível em: http://www.finep.gov.br/PortalDPP/relatorio_setorial. Acesso em: jun. 2009.

NAPOLI, Sylvio. Diferenciação do produto: estratégia da indústria têxtil para enfrentar a concorrência estrangeira. Inovação Uniemp, Campinas, v. 3, n. 3, p. 9. mai./jun. 2007. Entrevista concedida a Patrícia Mariuzzo.

PIRES, Dorotéia Baduy. Design de moda: olhares diversos. Barueri‐SP: Estação das Letras e Cores, 2008.

PINHEIRO, Daniela. Cópia + imita + plagia = roupa nova. Revista Piauí, São Paulo, ano 1, n. 9, p. 34‐38, jun. 2007.

QUEIROZ, Carlos Alberto Ramos Soares de. Manual de terceirização: onde podemos errar no desenvolvimento e na implantação dos projetos e quais são os caminhos do sucesso. São Paulo: STS, 1998.

ROMEIRO FILHO, Eduardo. Projeto do produto: apostila do curso de Engenharia de Produção UFMG. 7. ed. Belo Horizonte: LIDEP/DEP/EE/UFMG, 2004.

SANCHES, Maria Celeste de Fátima. Projetando moda: diretrizes para a aconcepção de produtos. In: PIRES, Dorotéia Baduy (Org.). Design de moda: olhares diversos. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2008. p. 289 ‐ 301.

SEMPRINI. Andrea. A marca pos‐moderna: poder e fragilidade da marc ana sociedade contemporânea. Tradução de Elisabeth Leone. 2. ed. Sao Paulo: Estacao das Letras e Cores, 2010.

SOUZA, Patrícia de Mello. A modelagem tridimensional como implemento do processo de desenvolvimento do produto de moda. Bauru, 2006. 113 f. Dissertação (Mestrado em Desenho Industrial) – Universidade Estadual Paulista.

SUONO, Celso Tetsuro. O desenho técnico do vestuário sob a ótica do profissional da área de modelagem . Bauru, 2007. 135 f. Dissertação (Mestrado em Desenho Industrial) – Universidade Estadual Paulista.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2.ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

Downloads

Publicado

2010-12-23

Como Citar

Emídio, L. de F. B., & Sabioni, M. L. (2010). O Private Label e Seu Estímulo à Cópia na Indústria de Confecção de Vestuário: uma reflexão a partir de um estudo de caso. Projetica, 1(1), 68–81. https://doi.org/10.5433/2236-2207.2010v1n1p68

Edição

Seção

Design de Moda

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)