Do Golpe Militar a Instalação do 28º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC): à ditadura civilmilitar na capital nacional do carvão (1964 -1977)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5433/1984-3356.2016v9n17p200

Palavras-chave:

Ditadura, Tensões, Criciúma, Região, Carbonífera

Resumo

A cidade de Criciúma foi durante várias décadas conhecida como a “capital nacional” do carvão mineral. Foi também conhecida pela forte organização dos trabalhadores das minas de carvão. Com o golpe militar de 1964 centenas de cidadãos criciumenses (ou que viviam na região carbonífera) foram presos pela ditadura acusados de comunistas, e de conspiração contra a “revolução”. Assim, o presente escrito buscou estudar como se processou o golpe em Criciúma, as tentativas de resistências, em especial no âmbito de atuação do sindicato dos mineiros e na rádio difusora. Buscou abordar a atuação da Operação Barriga Verde e por fim apontar para as preocupações dos setores dominantes da cidade, particularmente a relação dos mineradores com os trabalhadores, culminando com a instalação do GAC 28º - Grupo de Artilharia de Campanha - em 1977.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

João Henrique Zanelatto, Universidade do Extremo Sul Catarinense

Doutor em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Pesquisador do Núcleo de Estudos em Estado, Política e Direito da Universidade do Extremo Sul Catarinense. Professor da Universidade do Extremo Sul Catarinense.

Janete Trichês, Universidade do Extremo Sul Catariense.

Mestre em Ciência Política pela Universidade de Brasília. Pesquisadora do Núcleo de Estudos em Estado, Política e Direito da Universidade do Extremo Sul Catarinense. Professora da Universidade do Extremo Sul Catarinense.

Carlos Renato Carola, Universidade do Extremo Sul Catarinense.

Doutor em História pela Universidade de São Paulo. Professor da Universidade do Extremo Sul Catarinense.

Referências

BRASIL. Presidência da República. Casa Civil. Ato Institucional nº 2, de 27 de outubro de 1965. Brasília, 1965. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/AIT/ait-02-65.htm. Acesso em: 10 abr. 2015.

COIMBRA, David. Atravessando a escuridão: memórias de um comunista casual. Criciúma: Ed. UNESC, 1996.

DREIFUSS, René Armand. 1964: a conquista do Estado. Petrópolis: Vozes, 1981.

GOMES, Iur; SOARES, Regina Maura. (Org.). Paulo Stuart Wright: o tempo, o sujeito e o mundo. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 2014.

GOULARTI FILHO, Alcides. (Org.). Ensaios sobre a economia sul-catarinense. Criciúma: UNESC, 2005.

GOULARTI FILHO, Alcides; NETO, Roseli Jenoveva. A Indústria do Vestúario: economia, estética e tecnologia. Florianópolis: Letras Contemporâneas, 1997. (Coleção Teses).

IBGE. Censo. Demográfico. 1960. Rio de Janeiro, 1960.

LEMOS, Gustavo Perez. Mineiros e Sindicalistas na cidade do carvão: Criciúma (1953-1964). 2008. Dissertação (Mestrado em História) – UFSC, Florianópolis, 2008.

MIRANDA, Antônio Luiz. Trajetória e experiência do movimento operário sindical de Criciúma – SC: da Ditadura Militar a Nova República. 2013. Tese (Doutorado em História) – UFSC, Florianópolis, 2013.

NAPOLITANO, Marcos. 1964: História do Regime Militar Brasileiro. São Paulo: Contexto, 2014.

NASCIMENTO, Dorval do. Faces da Urbe: processo identitário e transformações urbanas em Criciúma/SC (1945-1980). Criciúma: UNESC, 2012.

SANTOS, Maurício Aurélio dos. Crescimento e Crise na Região Sul de Santa Catarina. Florianópolis: Ed. da UDESC, 1997.

SANTOS, Maurício Aurélio dos. Acumulação e geração de emprego e diversificação da economia no Sul de Santa Catarina: Carvão, cerâmica e indústria do plástico. 2002. Tese (Doutorado em História) – FFLCH, USP, São Paulo, 2002.

TEIXEIRA, José Paulo. Os donos da cidade. Florianópolis: ED. Insular, 1996.

VIEIRA, Jaci Guilherme. História do PCB em Santa Catarina – da sua gênese até a Operação Barriga Verde – 1992 a 1975. 1992. Dissertação (Mestrado em História) – UFSC, Florianópolis, VITALI, Marli Paulina. União dos estudantis secundários de Criciúma (UESC): entre o conservadorismo e a resistência. 2013. Dissertação (Mestrado em Educação) – UNESC, Criciúma, 2013.

VOLPATO, Terezinha Gascho. A Pirita Humana: os mineiros de Criciúma. Florianópolis, Ed. UFSC, Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1984.

TRICHES, Janete. As oligarquias dos partidos: Criciúma/SC - 1945-1992. 1994. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Brasília, 1994.

TRICHES, J.; ZANELATTO, J. H. História Política de Criciúma no século XX. Criciúma: Ed. da Unesc, 2015. v. 1.

Downloads

Publicado

06-09-2016

Como Citar

ZANELATTO, J. H.; TRICHÊS, J.; CAROLA, C. R. Do Golpe Militar a Instalação do 28º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC): à ditadura civilmilitar na capital nacional do carvão (1964 -1977). Antíteses, [S. l.], v. 9, n. 17, p. 200–221, 2016. DOI: 10.5433/1984-3356.2016v9n17p200. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/antiteses/article/view/21082. Acesso em: 30 set. 2023.