Seletividade dos herbicidas nicosulfuron e foramsulfuron + iodosulfuron methyl sodium a diferentes cultivares de milho

Autores

  • Robinson Luiz Contiero Universidade Estadual de Maringá

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2009v30n4Sup1p1123

Palavras-chave:

Controle químico, Fitotoxicidade, Sanson, Equip Plus, Zea mays

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi avaliar a seletividade dos herbicidas nicosulfuron e a mistura de foramsulfuron + iodosulfuron methyl sodium a diferentes híbridos de milho Agroeste (AS 1545, AS 1548, S2 709, AS 32, AS 3466 e AS 1533). O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com 7 tratamentos e 5 repetições para cada híbrido. As doses dos herbicidas (em g i.a. ha -1) foram: foramsulfuron + iodosulfuron methyl sodium: 22,5 + 1,5; 45,0 + 3,0 e 90,0 + 6,0 e nicosulfuron: 30, 60 e 90. Avaliou-se a fitotoxicidade, além de parâmetros relativos aos componentes de produção da cultura e produtividade. Os cultivares de milho testados possuem tolerância diferencial aos herbicidas utilizados; o híbrido S2 709 teve sua produtividade diminuída quando o herbicida foramsulfuron + iodosulfuron methyl sodium foi aplicado nas doses de 45,0 + 3,0 e 90,0 + 6,0 g i.a. ha -1; o híbrido AS 1533 teve sua produtividade reduzida quando os herbicidas foramsulfuron + iodosulfuron methyl sodium e nicosulfuron foram aplicados nas doses de 90,0 + 6,0 g i.a. ha-1 e 120 g i.a. ha -1, respectivamente.

 

 

 

Biografia do Autor

Robinson Luiz Contiero, Universidade Estadual de Maringá

Eng. Agr., Prof. Dr. do Departamento de Agronomia da Universidade Estadual de Maringá – UEM. Av.Colombo, 5790, 87.020-900, Maringá/PR. Tel. (44) 3261-8917.

Downloads

Publicado

2009-12-29

Como Citar

Contiero, R. L. (2009). Seletividade dos herbicidas nicosulfuron e foramsulfuron + iodosulfuron methyl sodium a diferentes cultivares de milho. Semina: Ciências Agrárias, 30(4Sup1), 1123–1134. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2009v30n4Sup1p1123

Edição

Seção

Artigos