Consumo médio e digestibilidade do feno de capim “Coast cross” (Cynodon dactylon (L.) pers.) e feijão guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp) em carneiros submetidos a dois regimes alimentares

Autores

  • Ivone Yurika Mizubuti Universidade Estadual de Londrina
  • Edson Luis de Azambuja Ribeiro Universidade Estadual de Londrina
  • Marco Antonio da Rocha Universidade Estadual de Londrina
  • Fernanda Barros Moreira Universidade Estadual de Londrina
  • Carlos Armênio Khatounian Instituto Agronômico do Paraná
  • Elzânia Sales Pereira Universidade Federal do Ceará
  • Walberto Costa Fernandes Universidade Federal do Ceará
  • Luiz Waldemar de Oliveira Souza
  • Andréa Pereira Pinto Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0359.2007v28n3p513

Palavras-chave:

Balanço de nitrogênio, Consumo restrito, Consumo voluntário, Proteína, Ruminantes.

Resumo

O experimento foi realizado com os objetivos de determinar o consumo médio diário (CMD), o coeficiente de digestibilidade aparente (CDA) dos nutrientes do feno de capim Coast cross e feijão guandu e avaliar o balanço de nitrogênio (BN) em ovinos. Foram utilizados dez ovinos machos, castrados, com peso médio de 27,50 kg, alojados em gaiolas para metabolismo, em delineamento inteiramente casualizado com dois tratamentos (T1 = 80% de feno de Coast cross + 20% de guandu e T2 = 60% de feno de Coast cross + 40% de guandu) e cinco repetições por tratamento. Os tratamentos foram avaliados sob dois regimes alimentares (consumo voluntário e restrito). Os animais recebendo ração do T2 apresentaram maior CMD (g/kg PV0,75) (p < 0,05) de matéria seca (MS), proteína bruta (PB), fibra bruta (FB), matéria orgânica (MO) e extrato não nitrogenado (ENN), do que aqueles animais recebendo ração do T1. O CDA da FB da ração T2 foi maior (p < 0,05) do que o da ração T1. O BN dos animais que receberam 40% de guandu (13,15g N/ dia) foi superior aos daqueles que receberam 20% desta leguminosa (10,29g N/dia). Conclui-se que o feijão guandu pode ser utilizado como fonte protéica na alimentação de ruminantes, possibilitando CDA da MS próximo de 52% para animais em regime de consumo voluntário, e 81% para animais em regime de consumo restrito. O aumento na porcentagem de feijão guandu nas dietas de ovinos alimentados com feno de Coast-cross pode resultar em melhoria no CDA da FB da dieta, bem como no balanço de nitrogênio dos animais.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Ivone Yurika Mizubuti, Universidade Estadual de Londrina

Departamento de Zootecnia/CCA/UEL- Universidade Estadual de Londrina. Campus Universitário. Londrina, Pesquisadores do CNPq.

Edson Luis de Azambuja Ribeiro, Universidade Estadual de Londrina

Departamento de Zootecnia/CCA/UEL- Universidade Estadual de Londrina. Campus Universitário. Londrina, Pesquisadores do CNPq.

Marco Antonio da Rocha, Universidade Estadual de Londrina

Departamento de Zootecnia/CCA/UEL- Universidade Estadual de Londrina. Campus Universitário. Londrina, Pesquisadores do CNPq.

Fernanda Barros Moreira, Universidade Estadual de Londrina

Departamento de Zootecnia/CCA/UEL- Universidade Estadual de Londrina. Campus Universitário. Londrina, Pesquisadores do CNPq.

Carlos Armênio Khatounian, Instituto Agronômico do Paraná

Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), Londrina, PR.

Elzânia Sales Pereira, Universidade Federal do Ceará

Departamento de Zootecnia. Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza – CE.

Walberto Costa Fernandes, Universidade Federal do Ceará

Departamento de Zootecnia. Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza – CE.

Luiz Waldemar de Oliveira Souza

Médico Veterinário. Londrina, PR.

Andréa Pereira Pinto, Universidade Estadual de Londrina

Médica Veterinária. Doutoranda em Ciência Animal. UEL. Londrina, PR.

Downloads

Publicado

2007-08-30

Como Citar

Mizubuti, I. Y., Ribeiro, E. L. de A., Rocha, M. A. da, Moreira, F. B., Khatounian, C. A., Pereira, E. S., Fernandes, W. C., Souza, L. W. de O., & Pinto, A. P. (2007). Consumo médio e digestibilidade do feno de capim “Coast cross” (Cynodon dactylon (L.) pers.) e feijão guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp) em carneiros submetidos a dois regimes alimentares. Semina: Ciências Agrárias, 28(3), 513–520. https://doi.org/10.5433/1679-0359.2007v28n3p513

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 > >>