Prevalência de gonorréia em uma população feminina de um bairro da cidade de Londrina, Paraná

Autores

  • Nilton Tornero Universidade Estadual de Londrina
  • Ana Misako Yendo Ito Universidade Estadual de Londrina
  • Aneli de Melo Barbosa Universidade Estadual de Londrina
  • José A. R. Novoa Universidade Estadual de Londrina
  • Maria Cristina Lourenço Universidade Estadual de Londrina
  • Sueli R Cabeleira Universidade Estadual de Londrina
  • Tânia S Yokota Universidade Estadual de Londrina
  • Maria Teresinha Tornero Instituto Agronômico do Paraná, Londrina

DOI:

https://doi.org/10.5433/1679-0367.1981v2n8p215

Palavras-chave:

Gonorréia, Londrina, Corrimento vaginal, Gonorréia em população de Londrina.

Resumo

 

Estudo da prevalência de gonorréia em uma população feminina adulta de um bairro de Londrina, onde existe uma unidade sanitária. A prevalência encontrada varia entre 2,3 e 15,4%. Constatou-se também que a prevalência geral de corrimento vaginal na população foi de 68,5%. Procurou-se verificar a possibilidade de se implantar na unidade sanitária um método rotineiro, rápido e eficaz de detecção de gonorréia em corrimentos vaginais, usando-se o Hospital Universitário como serviço de referência. O método, nas condições atuais, mostrou-se inviável.

 

Biografia do Autor

Nilton Tornero, Universidade Estadual de Londrina

Docente do Departamento Materno Infantil e Saúde Comunitária do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

Ana Misako Yendo Ito, Universidade Estadual de Londrina

Docente do Departamento Materno Infantil e Saúde Comunitária do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

Aneli de Melo Barbosa, Universidade Estadual de Londrina

Acadêmica do Curso de Farmácia e Bioquímica do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

José A. R. Novoa, Universidade Estadual de Londrina

Acadêmico do Curso de Farmácia e Bioquímica do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

Maria Cristina Lourenço, Universidade Estadual de Londrina

Acadêmico do Curso de Farmácia e Bioquímica do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

Sueli R Cabeleira, Universidade Estadual de Londrina

 

Acadêmico do Curso de Farmácia e Bioquímica do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

Tânia S Yokota, Universidade Estadual de Londrina

 

Acadêmico do Curso de Farmácia e Bioquímica do Centro de Ciências da Saúde da UEL.

 

Maria Teresinha Tornero, Instituto Agronômico do Paraná, Londrina

 

Bioestatfstica, Instituto Agronômico do Paraná, Londrina, Paraná.

Downloads

Publicado

2004-12-15

Como Citar

1.
Tornero N, Ito AMY, Barbosa A de M, Novoa JAR, Lourenço MC, Cabeleira SR, et al. Prevalência de gonorréia em uma população feminina de um bairro da cidade de Londrina, Paraná. Semin. Cienc. Biol. Saude [Internet]. 15º de dezembro de 2004 [citado 23º de junho de 2024];2(8):215-7. Disponível em: https://ojs.uel.br/revistas/uel/index.php/seminabio/article/view/6267

Edição

Seção

Artigos